arte na periferia: Anima mundi 2010

26 de julho de 2010

Anima mundi 2010

do site uol...
Edu Fernandes
Da Redação

O longa "Meu Malvado Favorito" (foto) terá pré-estreias no Anima Mundi

Todo ano, os amantes dos mais variados estilos de animação aglomeram-se em filas para conferir as sessões do Anima Mundi. Em 2010, na 18ª edição do festival, não será diferente. Mais de 450 filmes de todos os cantos do mundo serão exibidos de 16 a 25 de julho no Rio de Janeiro e de 28 de julho a 1 de agosto em São Paulo.

Entre os países participantes, o Brasil é o que tem mais produções em cartaz no evento, com 108 títulos. As demais obras vêm de países diversos, como Polônia, Taiwan, Austrália, Argentina e muitos outros. A programação contempla as mais variadas técnicas de animação e as sessões são gratuitas ou têm preços populares.

Além dos filmes selecionados entre os 1.500 inscritos, o Anima Mundi exibe a Mostra África do Sul, com produções do país que sediou a Copa do Mundo. Os realizadores Daniel Greaves e Cordell Barker, ambos laureados pelo Festival de Cannes, são convidados do evento e terão retrospectivas de seus trabalhos.

As escolas formadoras de profissionais de animação também serão lembradas, com a Mostra Escolas de Animação. Os trabalhos feitos pelos alunos da californiana CalArts (fundada por Walt Disney), da francesa Gobelins e da argentina UBA participarão de uma retrospectiva. Representantes das três entidades farão parte do Anima Forum.

Outro atrativo do festival é a pré-estreia nacional de “Meu Malvado Favorito”, produção que estreou no circuito dos Estados Unidos superando as expectativas de bilheteria. O longa, totalmente animado em um estúdio francês, terá exibições nas salas 3D Artplex em cópia dublada.
AO REDOR DO MUNDO E NO FUNDO DO MAR

Daniel Greaves e Cordell Barker não são as únicas atrações internacionais do Anima Mundi 2010. Stephen Hillenburg, criador do personagem Bob Esponja, estará no Brasil para falar de sua trajetória e responderá perguntas dos fãs durante um Papo Animado.

Nas Master Classes, o público pagante terá acesso a aulas com profissionais renomados. Em uma delas, Jordi Grangel, co-diretor do estúdio Grangel, em Barcelona, falará de criação de objetos para animações em stop-motion e do seu trabalho em “A Noiva Cadáver”. Já Andy Malcom falará de sonoplastia em animações.

O 18º Anima Mundi ainda traz uma extensa programação de debates e oficinas.

Nenhum comentário:

RECOMENDAR