arte na periferia: ODE AO OTIMISMO

6 de março de 2008

ODE AO OTIMISMO


O Equilibrio é preservado pelas lesma
que andam nas letras
das Colinas do Guarapiranga.

A Sorte é descer a Joaquim Nabuco
enquanto as garotas numa casa de massagem
gritam para você:"_Ei, Gostosinho!"

O Milagre é ter cinco mulheres apaixonadas por você,
e o melhor de tudo isso é que você só é capaz
de amar uma delas.

A Bênção é ter uma filha mais delicada do que você,
cuja risada é mais leve que a sua.

A Graça esta na capacidade de gostar de rock, jazz, musica clássica...
Tudo que contenha a energia original do gozo.

Ás vezes sou amargo, mas no geral,
o sabor tem sido doce.
Eu apenas tenho medo de dizê-lo.

O melhor de você, me agrada mais do que você possa imaginar.
Os outros não importam.
Excetuando o fato que eles tem dedos
e cabeça e alguns deles olhos e a maioria pernas
e todos eles sonhos e pesadelos
e uma estrada a seguir.

A Coisa Certa esta em toda parte e não descansa
e as metralhadoras e os coldres e
as cercas vão lhe dar prova disso.

O AUGUSTO

Nenhum comentário:

RECOMENDAR